quarta-feira, 20 de julho de 2011

Um Canto Para a Chuva


Deixe a chuva cair!
Eu não ligo mais de chegar em casa encharcado.
Sim! Deixe-me cair com a chuva!
O céu está tão lindo assim nublado!
Quem sabe embaixo de toda essa água eu não me sinta mais ilhado?!

Eu me perdi na chuva, e joguei fora meu guarda-chuva.
Embriaguei-me com a água ácida e com o barulho dos trovões.
Não me importo em acordar e não me sentir mais limpo,
No entanto, o sol da manhã sempre insiste em me secar!

Enxugo-me com o orvalho das plantas,
Afogo-me em poças d'água,
Deixo as enchentes me sucumbir,
E espero o raio mais forte do sol me evaporar...

Para, assim então, eu poder com a chuva outra vez cair!

3 comentários:

Super Nada disse...

Temo que publicar essas coisas cara, mais gente deveria ler seus sentimentos, eles falam de modo tão bonito!

Maíra Souza disse...

Cncordo com o Tom!
Gostei muito do texto! Também queria ir com a chuva e quem sabe me sentir mais limpa, mais leve...
Não me importo em molhar, mas me importo se não estiver limpa. Tu entende né?!
=*

rama disse...

Muito bem escrito ;)